TESTEI: CARBOBLAN - O clareador dental 100% natural para você fazer em casa

Quem nunca pensou em clarear os dentes mas desistiu depois de fazer um orçamento no dentista?! Ou de saber sobre a sensibilidade depois do clareamento, e até mesmo que teria que abandonar aquele cafezinho delicioso de todos os dias?!

Eu sou uma dessas pessoas, então hoje eu vim te falar que é possível sim deixar os dentes branquinhos e sem sair de casa, por um valor muuuuuuito mais baixo, sem ficar com sensibilidade nos dentes e o melhor, sem precisar abandonar o café. Sim, isso é real, é possível, e vou te contar tudo.


Você já ouviu falar no CARBOBLAN? E no carvão ativado?

Então, o CARBOBLAN nada mais é do que uma mistura do carvão ativado à base de cascas de coco. Essas cascas são queimadas a 800ºC, após isso ela se torna um tipo especial de carvão, chamado carvão ativado. A propriedade principal desse carvão é "atrair" substâncias de carga magnética positiva, do mesmo jeito que o imã atrai o metal. Sendo assim, o CARBOBLAN pode "atrair" as manchas que tornam seus dentes amarelos.


Esse produto é completamente seguro visto que ele tem um baixo índice de abrasividade, dessa forma ele não "lixa" os dentes. Segundo a marca, você pode usar o CARBOBLAN sem interrupção e conquistar um sorriso brilhante e mais branco em apenas 14 dias. Isso mesmo, você não leu errado, eu pude comprovar essa eficácia.

Além disso, ele um produto 100% natural, vegano, não contém flúor e não tem gosto nem cheiro ruim.

Em sua fórmula encontramos também a argila branca, que possui um pH considerado o mais baixo pois equivale ao da pele, que é responsável por melhorar a saúde dos dentes, e o óleo essencial de menta, que dá um "toque" saboroso ao produto.

Agora vem a MINHA EXPERIÊNCIA com o CARBOBLAN

Como disse, sempre quis clarear os meus dentes mas vários fatores impediam o tratamento, até que conheci esse produto que já é o queridinho daqui de casa.

Nada melhor do que fazer um tratamento no conforto do lar, não é mesmo?! Então...



Confesso para você que no início fiquei com receio, porque como já viu na foto anterior, ele é um pozinho muito fino, porém preto. O meu receio na verdade era com os implantes dentários que fiz a pouco tempo (pouco mais de 1 ano), então pensei que eles poderiam manchar, ou até mesmo deixar com uma cor diferente do restante dos dentes (naturais). Mas resolvi arriscar e iniciar o tratamento com o CARBOBLAN, pois meus dentes estavam bem amarelados (a idade não perdoa nem os dentes rssss).

Então iniciei o tratamento e fiz alguns testes porque queria contar para vocês. Vamos lá!


Como falei anteriormente, em 14 dias você já vê resultado, escovando 2 vezes ao dia com o produto. Mas... durante esses primeiros 14 dias eu escovei apenas 1 vez ao dia e fiquei surpreendida com o resultado, visto que era preciso escovar uma segunda vez.


Após 14 dias escovando APENAS 1 vez (o recomendado são 2 vezes ao dia)

Muito bem! A partir do 14º dia eu passei a escovar 2 vezes como o recomendado e claro, o resultado só foi melhorando.

Esses primeiros 21 dias eu usei uma escova normal, mas depois resolvi iniciar um terceiro teste usando a escova elétrica, só para ver se teríamos algo ainda mais surpreendente, e não, você não precisa ter uma escova elétrica (que é uma fortuna no Brasil) só para fazer o clareamento em casa com o CARBOBLAN.

Segue abaixo a comparação do dia 01, dia 14 e dia 21.


 



Isso é real e oficial! Quanta diferença!

Realmente eu fiquei muito impressionada com o resultado nos primeiros 14 dias, mas com 21 meus dentes parecem outros. Estou super feliz e continuo fazendo uso do CARBOBLAN

A idéia do produto é devolver a cor natural dos seus dentes, que normalmente amarelam com o tempo e com os alimentos. 

Como já disse também, segundo o fabricante, o uso pode ser sem interrupção porém, devemos tomar alguns cuidados, como:
  • Escovar suavemente (mesmo com a escova elétrica)
  • Fazer movimentos circulares suaves
  • Escovar de 2 a 5 minutos (cada escovação)
Tive sensibilidade nos dentes?

Não. Esse também era um receio que eu tinha lá no início, porque eu sempre tive muita sensibilidade e retração da gengiva. Ai que medo! Porque só quem tem sensibilidade nos dentes sabe o quanto é horrível, mas não, eu não tive nenhum problema.

Mas como não estamos livres de nada, caso tenha sensibilidade durante o tratamento, recomenda-se a interrupção.

Como deve ser feita a escovação?



Molhe a escova de dentes na água e mergulhe as cerdas no pote de CARBOBLAN até retirar uma quantidade suficiente de produto. Escove os dentes com movimentos circulares, de preferência com a boca fechada heheheheh, vai respingar para todos os lados se não fizer assim, mas nada que seja desesperador, depois é só limpar a pia, o espelho, as paredes (aconteceu aqui em casa porque a curiosa aqui, queria ver os dentes todos sendo escovados rssss).

Depois é só enxaguar e escovar com seu creme dental normalmente.

Como é para ser feito 2 vezes ao dia, nos primeiros 21 dias eu fiz de manhã e de noite. Depois desse período poderá ser feito apenas uma manutenção.


Preciso dizer que recomendo o produto para quem quer clarear os dentes em casa???

Acho que não né?! O resultado fala por si só (fiz um stories no Instagram agora e não consegui tirar o olho dos meus dentes branquinhos hahahahahah #inlove).

Quem quiser adquirir o seu pote "mágico" de CARBOBLAN é só clicar AQUI, esse endereço é do site oficial portanto é um site seguro, e te dá 30 dias de garantia de satisfação, ou eles devolvem o dinheiro investido no produto.

Uma última informação muito importante, ele é aprovado pela ANVISA.

Fica então essa dica de clareador dental para você. Espero que tenha gostado!

Até a próxima!


Fonte e dúvidas frequentes no site oficial >> CARBOBLAN
#parceria


RENATA NICOLAU - 43 anos, mãe, formada em educação física e estética. Apaixonada por cosméticos e tudo relacionado à beleza. Ama aprender, ensinar e compartilhar conhecimentos. Está em busca um estilo de vida saudável, minimalista e com equilíbrio. Sua mais recente paixão é a meditação e o estudo sobre o subconsciente.




COMPARTILHE

Comentários