Banha de porco e seus benefícios

Antigamente a banha de porco era muito utilizada para preparar os alimentos pois além de ser de fácil acesso, seu custo era bem menor do que os óleos vegetais. Com o passar do tempo, mitos foram espalhados dizendo que o melhor seria consumir os óleos vegetais e não a banha, dessa forma eles tiveram seus preços reduzidos e passaram a ser mais consumidos no mundo.

Vamos treinar um pouquinho?

Afasta a mesa, o sofá da sala, coloca uma toalha no chão, e "bora" treinar....hehehehe...Aí vão algumas dicas de abdominais que podem ser feitos em casa, ou na academia (ginásio). Só tem que fazer com cuidado e sem pressa, ok?!

1 - Abdominais Superiores - Crunch com impulso das mãos

1.1 - Crunch - joelhos ao peito

2 - Abdominais Inferiores - Elevação de pernas

2.1 - Abdominais Inferiores - Cruzamento alternado dos pés

3 - Abdominais Oblíquos

3.1 - Compressão cotovelo ao joelho - alternado

4 - Exercício Lombar - Há várias maneiras de realizar esse movimento sem ser no banco próprio para isso. Um exemplo é: Deite no chão, eleve somente o tronco, de forma a tirar o peito do chão. O nº de repetições pode ser o mesmo dos abdominais.

* Caso você seja iniciante, faça apenas o primeiro vídeo de cada grupo muscular (superior, inferior, oblíquo e lombar) 3x por semana  - 1 série de 20 a 30 repetições durante 4 semanas.
* Se já praticar alguma modalidade de fitness ou algum desporto, faça todos os vídeos - 4x por semana 3 a 4 séries de 20 a 30 repetições.

DICAS para não errar na execução do exercício abdominal:
  1. Mantenha sempre o queixo longe do peito, principalmente quando retirar os ombros do chão. É só manter o olhar para cima, que não tem erro;
  2. Coloque a ponta dos dedos nas orelhas e não na nuca. Sempre que colocamos as mãos na nuca, a tendência é sempre puxar a cabeça para dar aquela ajudinha na hora de subir. O que pode acontecer? É você retirar toda a força do seu abdomen e colocar no pescoço, daí surge aquela dorzinha no final do treino e no dia seguinte;
  3. Sempre que tirar os ombros do chão, contrai muito bem o abdomen, assim a sua região lombar ficará sempre em contato com o chão, e não causará nenhuma dor ou incômodo;
  4. Durante os seus treinos, nunca deixe de fazer pelo menos um exercício para a região lombar. Lembre-se que ela faz parte da sua cintura abdominal. Não adianta nada ter um abdomen fortalecido e uma lombar fraca. São eles os responsáveis pela proteção da sua coluna vertebral.